Panoramas Internacionais

As Mulheres no Mundo 

Ciclos que resultam de parcerias com outros festivais cinema, caracterizando as mulheres cineasta de um determinado país e cultura.

Em 2018 serão exibidos os seguintes ciclos:

 

1. Mostra CINEMA DAS MULHERES QUE FALAM PORTUGUÊS

 

A Mostra CINEMA DAS MULHERES QUE FALAM PORTUGUÊS tem como objetivo geral fomentar um espaço de contato, inclusão social e igualdade de gênero, interação e intercâmbio multicultural entre os países de língua oficial portuguesa, a partir do foco nas mulheres e em suas produções audiovisuais. O projeto pretende promover a circulação das obras pelos países da CPLP, além de promover o debate e reflexão em torno dessas obras no contexto em que foram produzidas por essas mulheres. A primeira edição da mostra aconteceu no Brasil, na cidade do Rio de Janeiro, em novembro de 2017, onde foram exibidos 12 filmes (longas e curtas-metragens) de cinco países.

Este projecto é uma organização da Associação Imaginário Digital. Uma associação cultural brasileira, qualificada como OSCIP (Organização da Sociedade Civil de Interesse Público). Há dez anos realiza projetos que trabalham na interface entre os campos do audiovisual, educação e tecnologias para a geração de espaços inovadores de criação e aprendizagem.

Para o Porto Femme, foram selecionados os seguintes filmes desta mostra:

  • A Mulher Ideal de Margarida Leitão (Portugal);
  • Arpoador de Ana Costa (Brasil);
  • Não é pressa, é saudade de Camila Shinoda (Brasil);
  • Tentei de Laís Melo (Brasil);
  • Hora de Bai de Samira Vera-Cruz (Cabo Verde).

 

 

2. Tricky Women Animation Film Festival

 

Desde 2001, o festival Tricky Women acontece todos os anos em Março, por volta da data do Dia Internacional da Mulher. Tricky Women concentra-se em filmes de animação feitos por mulheres e, portanto, ocupa uma posição única dentro do panorama internacional do festival. Além da competição, o festival mostra programas temáticos e retrospectivas para apresentar uma interessante e geral visão da arte cinematográfica animada de artistas femininas de todo o mundo e e de ainda cineastas austríacas. Curiosidades históricas e produções contemporâneas fazem parte da programação do Tricky Women.

A organização do deste festival de animação preparou a seguinte seleção para o Porto Femme:

  • The Burden de Niki Lindroth von Bahr (Suécia);
  • My Father’s Room de Nari Jang (Coreia do Sul);
  • A Bird in a Cage de Lauren Orme (Reino Unido);
  • The World´s Middlest Fish de Cathinka Tanberg (Noruega);
  • “You are still there” de Ingrid Gaier (Áustria);
  • Tailor de Calí Dos Anjos (Brasil).